História da Deusa Cy por Maria Lalla cy aché

ilustrações @atelier_rachelgomess

CY Deusa

do festival 2020 

Baixa_FD_cy_edited_edited.jpg

Lammas

Esse é o festival da roda do ano que marca o inicio das primeiras colheitas, depois de Lammas ainda temos mais 02 colheitas, Mabon e Samhain.

Neste dia sagrado é realizado rituais de proteção ao Deus Lugh e queimado amuletos de protecão antigos dando espaço para a renovação de outros instumentos de poder

Veja como em outras regiões cultuávamos a deuses diferentes para honrar os alimentos 

Nativos - Mani

Roma - Baco / Ceres

Hawai - Pele

Africa - Okô

e outras divindades ...

Lammas é uma dos festivais celta do FOGO que marca inicio dos agradecimentos ao Deus Lugh  (que significa Luz) pela terra fertil, os belos alimentos e a harmonia entre o sol e a chuva 

Esse festival é comemorado em todo planeta pois toda a humanidade depende da agricultura para sua sobrevivência, em muitas regiões agriculas  esse festival é esperado com muito fervor pois o processo é demorado e trabalhoso. Foi necessário separar as sementes boas, limpar a planície, preparar a terra, esperar o momento certo para plantar e nutrir, acolher e amar cada plantinhas que surgia na terra, ate chegar o grande momento de colher e  compartilhar com a comunidade para se alimentar.

Viva Lammas, viva a vida, viva os alimentos da grande mãe!

Rituais

Um dos rituais feitos nessa época é a construção da boneca feita de palha de milho trançado, onde crianças e toda comunidade pode participar, nesse momento honramos a mãe adotiva de Lugh Taltiu que morreu de tanto se esforçar para limpar as planícies central da Irlanda, para que seu povo pudesse plantar, tal sacrifício é lembrado é lembrado pelo esforço da Deusa em fertilizar a terra e do Deus que vai entregando sua luz da vida para a continuação da humanidade.

  • Boneca de palha/ou de outro material, essa boneca simboliza a energia da Deusa dentro da colheita, toda sua entrega e força. Em um ano ela será construída e no outro ano ela sera destruída em oferta aos novos caminhos e o desapego ao que ja foi ( lembrando que neste festival queimamos outros amuletos de proteção para a renovação de outros)

  • Pão, bolos, assados etc uma verdadeira fartura da fazenda, sabe aquele jantar oferecido pela avó que esperou o ano inteiro para ver toda família? é exatamente essa mesa que esperamos no dia de celebração de lammas a abundância das colheitas.

  • Frutas da época, uma das formas de se conectar com os festivais da roda do ano, é consumir o que a Deusa nos oferece no tempo dela, estar conectado com as frutas, verduras e vegetais da estação é reconhecer nos alimentos a face generosa a amorosa da grande mãe. Então em nossa mesa de Lammas é preciso ter os alimentos da estação do local de onde você vive.

  • Bebidas a base de cereais e frutas, a famosa cerveja frutada ou o vinho com aromas de morango e pêssego, tudo vale para honrar os grãos e celebrar este festival 

Ervas ritualísticas

Flores de acacia, aloé, talo de milho, feno grego, olíbano, malva-rosa, folhas de carvalho, girassol e trigo 

Cores deLammas

Vermelho, amarelo, laranja 

Veja fotos de nosso encontro de Lammas em 02 de

 

fevereiro, Refletindo a DeusaYemanjá